Alimentos ricos em triptofano – Quais são e para que servem?

Alimentos ricos em triptofano – Quais são e para que servem?

Atualmente, a medicina e as pesquisas laboratoriais descobrem, todos os dias, substâncias diferentes que podem ajudar em distintos aspectos do nosso organismo. Algumas dessas substâncias são até produzidas pelo nosso organismo, porém a suplementação pode trazer variadas vantagens.
Os aminoácidos são exemplos claros desse tipo de substância. Separados entre os que são produzidos pelo nosso corpo (aminoácidos não essenciais) e os que precisam ser obtidos através de alimentos ou suplementação (aminoácidos essenciais), são responsáveis por constituir cadeias, que acabam sendo conhecidas como proteínas, amplamente conhecidas pelo grande público.
Quando falamos em aminoácidos essenciais, é notado a existência de nove dessas substâncias. Dentre essas está o triptofano, o qual, entre outras coisas, funciona como inibidor de apetite e contribui para uma dieta com menor incidência em carboidratos.

Triptofano – o que é?

Como já falado anteriormente, o triptofano é um aminoácido essencial. Quando é absorvido pelo organismo humano, é transformado em 5-HTP, o qual desempenha diversos papeis no organismo, sempre auxiliando para uma melhora na saúde do corpo humano.

Para que serve o triptofano?

O triptofano pode ser encontrado em vários alimentos do cotidiano, além de poder ser ingerido através de variados suplementos. Os principais benefícios obtidos a partir dessa ingestão são:
Controle no desejo de comer alimentos calóricos:

A serotonina é um hormônio naturalmente sintetizado pelo corpo humano e responsável por algumas funções cerebrais importantes, tais como o humor, a tristeza, ansiedade, dentre outros. Diante disso, quando esse hormônio está em baixa no organismo, o indivíduo pode se sentir mal. Uma maneira de estimular a produção de serotonina é a partir da ingestão alimentos altamente calóricos, como o chocolate, doces, frituras, dentre outros. Com isso, o cérebro nos motiva a, nesses momentos de ansiedade, mau humor ou tristeza, comer esses times de comidas.

Para evitar tal estímulo, o indivíduo pode fazer o consumo de alimentos ricos em triptofano, pois esta substância, quando convertida em 5-HTP, é uma estimuladora na produção de serotonina, o que faz com que o ímpeto passe. Tal benefício pode gerar para muitos indivíduos a perda de peso, tendo em vista que a manutenção de uma massa mais significativa se dá, muitas vezes, por descontrole alimentar.

Controla o apetite:

O processo de inibidor de apetite se dá de maneira bastante semelhante ao descrito acima. Além disso, o triptofano é um aminoácido, constituinte de proteínas. Isso faz com que a digestão do nutriente seja um pouco mais demorada, prolongando a sensação de saciedade.
Uma dieta com menor incidência de calorias e carboidratos pode gerar, em conjunto com atividades físicas, um emagrecimento significativo.

Funciona como remédio para o sono:

Além de estimular a produção de seratonina, o triptofano ainda auxilia na síntese de melatonina. A melatonina é outro hormônio cerebral, e este é responsável pelo sono. Uma maior produção gera noites mais bem dormidas, o que auxilia em uma maior qualidade de vida.

Alimentos ricos em triptofano – quais são?

Os alimentos ricos em triptofano são, principalmente:
– Peixes;
– Sementes (chia, castanha de caju, amêndoas);
– Soja e seus derivados;
– Queijo, iogurtes e leite;
– Ovo;
– Frutas (morango, kiwi, abacate);

admin

No Comments

Post a Comment

 Joel Iyiegbuniwe Womens Jersey